ISSO É DISCIPULADO

Loading...

quinta-feira, 18 de abril de 2013

EDIFICAÇÃO FAMILIAR




“Se não for o senhor o construtor da casa, será inútil
trabalhar na construção...” (Salmo 127:1a)

Quem não quer ter uma família unida, com um casamento sólido e que faça diferença no mundo?  Você como casal já parou para pensar nisso, ter uma família cujo construtor projete um modelo familiar que seja um exemplo?  
O versículo acima nos dá a luz dizendo que se não for o Senhor o construtor, será inútil  e desperdício de tempo, energia concentrada sem saber como iniciar tal processo.

Em um vídeo bastante conhecido “A visão de Futuro”, Joel Barker mostra que: “Quando se tem uma visão e a compartilha com seu grupo, você cria a comunidade da visão”.   Em uma empresa ou organização, a visão está com o líder, e é compartilhada com a equipe. Já no caso da família, a visão poderá vir do marido, da esposa ou surgir dos dois. Sendo assim, ele, ou ela a compartilharão com a família.

O QUE OCORRE NA MAIORIA DAS VEZES

Alguns acham que podem ter sua visão familiar, sem a participação do cônjuge ou dos filhos.  Não são poucas as famílias que convivem com a visão solitária de um dos seus membros. No entanto se essa visão não for partilhada com os membros da família, ela se dissolverá.  Esta questão ficou complexa atualmente devido o divórcio e a morte. Nesses casos a visão surgirá daquele que lidera o lar.  O objetivo principal não é discutir quem deve ter a visão, o ponto é que a família precisa de um norteamento pela qual deva ir. Se a família acredita que o marido deve identificar essa visão, deve ser confirmada pela esposa, ou vice-versa, a família deve considerar essa possibilidade. Uma coisa não pode ser esquecida:  a pessoa que identifica a visão não é mais importante que a visão. Uma outra consideração: alguém certa feita disse: “ visão + visão causa divisão”. Não pode haver duas visões dentro de um lar. Está escrito: “Andarão dois juntos se não houver entre eles acordo/” (Amós 3:3). Não pode haver duas visões dentro do mesmo lar. O marido não pode ter uma visão se não for confirmada pela esposa ou vive-versa. Se não houver uma aliança, um acordo de construírem juntos, as dificuldades dessa família serão dolorosas. Os ideais da família tem que ser comuns.

EXEMPLOS

·         Moisés teve a visão de salvar o povo da escravidão do Egito, e Zípora, sua esposa, o acompanhou.
·         Maria mãe de Jesus, teve uma visão primeiro que seu marido José. Ela viu que seria mãe de um homem que faria diferença na história do mundo. José ficou assustado num primeiro momento, mas depois seguiu-a na visão que se tornou a visão da família.

Isso nos mostra que a visão pode surgir tanto do marido como da esposa. Quando nenhum dos cônjuges é sensível a visão, tal família tende a viver sem um propósito.

ENTÃO COMO COMEÇAR

a)      Reúna a família para refletir sobre o propósito de vida.
b)      Dê consciência  de que a família tem uma missão.
c)      Acredite que a família não é apenas um grupo de pessoas que vive debaixo do mesmo teto.
d)     Incentive a uma espiritualidade em Deus.
e)      Procure novos desafios continuamente.
f)       Identifique objetivos da família.
g)      Confronte os pontos divergentes na área financeira.
h)      Deixem claro quais os valores que serão compartilhados, envolvendo os filhos.
i)        Compartilhar a visão pessoal do casamento frente a visão que possuía quando solteiros.
j)        Inclua Deus em sua família.Não faça nada sem uma orientação clara e segura de sua vontade.
k)      Incentive ao estudo
l)        Combinem uma forma de economizar e fazer poupança. Existem várias formas. Enxugando  despesas, poupança, capitalização, investimentos a curto e médio prazo, etc....

CONSCIENTIZAÇÃO

a)      Despesas supérfluas devem ser cortadas.
b)      Cuidado com investimento sem retorno.
c)      Foque o ensino de princípios aos filhos, visando resultados.
d)     O casal fez curso sem retorno profissional. A grande questão aqui é FOCO.
e)      Cuidado com a compra da casa fora dos padrões financeiros, ou aluguéis.
f)       Pouco progresso em algumas áreas pode ser melhorado. Estejam abertos em como fazê-los de uma outra forma.
g)      Tenham um tempo de folga ou lazer com sua família. Isto é muito importante.
h)      Esforços para economizar não têm dado resultado, reúnam-se e tentem novamente de comum acordo. Corrijam os erros, se possível quebre cartões.
i)        Envolva-se com o povo de Deus. Tenha um compromisso sério  com a Igreja.
j)        Metas tem que ser compartilhadas, não é propriedade de um membro só. Todos devem focar-se nesta construção.
k)      Opiniões divergentes causam muitas divisões. Tenham um tempo para reagrupar os pensamentos vagos que saíram da visão.
l)        Escrevam suas metas e concentrem-se nelas. Lembrem-se de (1Coríntios 9:26).
m)    Sejam transparentes uns aos outros.
n)      Melhorem o relacionamento interpessoal

Fonte:
- Adaptação extraída do livro: Família S/A – Josué Campanha – Editora Hagnos
- Chave Bíblica – SBB
- Bíblia NVI

Romildo Gurgel

Nenhum comentário:

Postar um comentário